O Microfone.

 

Aconteceu no passado
Quando eu tinha cinco anos
No coral da minha igreja.

Um microfone na minha frente
E uma grande vontade de cantar.

Eu era pequena
Muito pequena
Então levantei
Me coloquei na ponta
Dos pés
Pus a boca sobre o microfone
E cantei.

Foi apenas uma frase
Uma pequena frase
Tão pequena quanto eu.
Foi apenas uma frase
Talvez não pequena o bastante
Para evitar os olhares ruins
De outras pessoas
Talvez não tão pequena
Pois a menina mais velha
Ao meu lado
Me pegou pelo braço
E disse:

Garota,
Você não deve se levantar
Você não deve falar
Sobre o microfone
Garota,
Você não deve levantar
Sua voz.

Como a boa menina
Que fui educada pra ser
Me calei e sentei.

Desde então
Eu não consigo levantar
Eu não consigo falar
Nada consigo pronunciar
Cada vez que chego perto
De um microfone.

(Não sou mesmo uma boa menina?)

Cuera

Cuera

Carioca de nascimento e mineira de alma. Coleciona um pouco de tudo: séries, livros, filmes, cadernos, memórias, objetos inúteis e até horas infinitas de procrastinação (provavelmente estará no programa “Acumuladores” no futuro). Quer ser escritora e viver de fazer Literatura (isso se o livro que está escrevendo sair algum dia das 16 páginas escritas)
Cuera

Comments

comments